Translate...

14 de fevereiro de 2013

Happy Valentine's Day ღღღ

Não sou especialmente fã do Dia dos Namorados. Já fui bem mais, numa altura em que era mais uma desculpa para sair de casa e estar com o meu amorzinho! Agora que estamos juntos na "alegria e na tristeza, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza" é outra a desculpa, a de sair da rotina e a de nos mimarmos mais (como se isso fosse possível....)... Ontem à noite, era mais coisa menos coisa 00:15 (quer dizer hoje de madrugada...) o homem salta do sofá, calça os sapatos e começa a vestir o casaco.
"Onde vais?"
"Não te preocupes, venho já!"
Ele entra-me em casa com este ramo lindoooooooooooooo... E eu que me queixo (de barriga cheia, bem sei...) que o meu amor não é nada romântico... As surpresas não acabaram aí. Noutro dia disse-lhe que gostava de cravos. Em Portugal pelo que sei, para além do significado adquirido pelo 25 de Abril, pouco são vistos em arranjos de flores sendo mais usados em cemitérios. Ora isto para dizer que acordei, e tinha cravos espalhados pela casa, em todos os sítios possíveis e imagináveis... o que ao fim de um bom bocado acabou por fazer outro ramo de flores... E como se não bastasse o meu amorzinho ainda me fez o pequeno almoço! E o dia não acabou e sei que vou ter mais surpresas, até porque noutro dia já me disse que hoje não precisava de fazer o jantar, só precisava de estar pronta à hora certa para ir jantar fora! 


E prontos... estou embebecida... não por ser Dia dos Namorados, mas por ainda sermos namorados passados mais de 10 anos. Está frio, por esta altura estão uns simpáticos -1º, mas estou de coração quente, porque contigo sou muito, mas MUITO FELIZ!!!

Sem comentários: