Translate...

2 de novembro de 2010

Comer Orar Amar

Há uns tempos valentes, numa daquelas sessões de puro zapping pela televisão, apanhei uma entrevista da Oprah à Elizabeth M. Gilbert. E perguntam vocês quem é esta senhora?! Pois que é uma romancista, ensaísta, contista, biógrafa e memorialista norte-americana, mais conhecida pelo seu livros (uma espécie de memórias) escrito em 2006, Eat, Pray, Love, que em Julho de 2010 estava há 180 semanas na lista dos mais vendidos do New York Times. Por mera curiosidade, acabei por comprar o livro e ler... fiquei maravilhada. mesmo... Num pequeno resumo:
Aos 34 anos, Elizabeth Gilbert, escritora premiada e destemida jornalista da GQ e da SPIN, descobre que afinal não quer ser mãe nem viver com o marido numa casa formidável nos subúrbios de Nova Iorque e parte sozinha numa viagem de 12 meses com três destinos marcados: o prazer na Itália, o rigor ascético na Índia, o verdadeiro amor na Indonésia. Irreverente, espirituosa, senhora de um coloquialismo exuberante, Elizabeth não abandona um minuto a sua auto-ironia e conta-nos tudo acerca desta fuga desesperada ao sonho americano que começou no momento em que encontrou Deus. (...) "Comer na Itália, Orar na Índia e Amar na Indonésia" é uma micro-autobiografia desse ano. O projecto de Elizabeth Gilbert era visitar três lugares onde pudesse desenvolver um aspecto particular da sua natureza no contexto de uma cultura que tradicionalmente se destacasse por fazê-lo bem. Em Roma, estudou a arte do prazer, aprendeu a falar Italiano e engordou os 23 kilos mais felizes da sua existência. Reservou a Índia para praticar a arte da devoção. Com a ajuda de um guru nativo e de um cowboy do Texas surpreendentemente sábio, Elizabeth empenhou-se em quatro meses de exploração espiritual ininterrupta. Em Bali, aprendeu a equilibrar o prazer sensual e a transcendência divina. Tornou-se aluna de um feiticeiro nonagenário e apaixonou-se da melhor maneira possível - inesperadamente.
O livro foi um sucesso, e está agora no cinema. Convenci o marido e fomos ver. Adorei! Não tanto como o livro, e aconselho vivamente o livro, mas acho que de qualquer forma o filme está bastante bem conseguido.

Título Original: Eat Pray Love
Classificação: M12
País: EUA
Ano: 2010
Género: Drama
Duração: 133m
Realização: Ryan Murphy (I)
Interpretação: Billy Crudup, James Franco (I), Javier Bardem, Julia Roberts
Argumento: Ryan Murphy (I)

3 comentários:

Gabi disse...

E eu que tenho o teu livro lá por casa e não consigo arranjar motivação para o ler...

E achei a parte do filme que se passa na Índia um bocado seca. Lol.

Ainda bem que não somos todos iguais, eu sou a Gabi e tua a Carolina :p

Carolina Mendonça disse...

Oh pá...
Confesso que me custou começar a ler... mas depois devorei-o literalmente!!!
Já a parte do Bali e o "Filipe" que é espanhol mas fala Brasileiro... diz que não foi jeitoso...

Gabi disse...

É jeitoso, claro que é... Bali, obviamente! Muito atraente :p